A gente só fala neles

A-gente-so-fala-nelesAi, tenho uma pra te contar!…
Quando uma amiga chega pra ti com essa história, batata, 90% de chance de ser algo que envolve um certo menino. Qualquer menino. Na verdade, entre mulheres, a gente só fala em homem.

O quê?!
Gritarão estupefatas as descoladas intelectuais analisadas de plantão. É verdade, sim, meninas. Não neguem, avaliem. Eu, descolada, intelectual e analisada, assumo. A maior parte dos papos com as amigas gira em torno deles. Ou, pelo menos, a parte mais emocionante dos papos.

Ai, guria, eu amo esse cara!
Ele não é mais o mesmo…
Tu acha que eu devo ligar?
Não importa se a gente conheceu ele ontem – ou se já virou marido e pai dos nossos filhos. Não importa se é amiga do trabalho, da faculdade, do bar. Quanto mais íntima a amiga, mais temos a falar sobre eles.

 

Eu busco algo diferente da vida.
Eu gosto da rotina.
Eu quero ficar sozinha por um tempo.

Às vezes o assunto é mais amplo, mais de fundo. É a gente falando da gente mesma; mas, veja bem, mesmo não mencionados, eles estão ali. Acasalar e ter filhos faz parte do imaginário feminino; a vida, em si, passa a ter significado quando cumprimos nossa missão de mulher e mãe – ou quando abdicamos dela completamente. Falar dos meninos, ou de sua ausência, é dizer sobre a própria vida, quase o sentido dela.

Ah, claro, a gente também conversa sobre política, futebol, trabalho, viagens, música, cinema e uma infinidade de assuntos interessantes, que todas as minhas amigas são inteligentes e bem informadas. Mas só nos intervalos – ou quando “eles” estão presentes. É ou não é? Fala aí.

 

Foto: Jack Horst/Stock.xchng

5 Responses

  • Eu serei a da esquerda num futuro bem proximo….

  • Essa semana entre estudantes de psicologia, o assunto foi o novo professor gatissímo de Psicodiagnóstico. QUe olhos azuis, que cara de nerd, simplesmente maravilhoso.

  • É sempre assim… e no bar, então?
    “Olha aquele ali, olha, olha!”

  • Putz, me sobrou ser a da direita… vou emagrecer!!!

  • Alguém me diz, porque nós mulheres nos entregamos de corpo e alma? Passei um final de semana interinho com um gatinho e estou apaixonada! Alguém já passou por isso? É claro que sim… eles dominam nossas mentes (mas ainda bem que não sabem disso)

Sua opinião é de quinta...