Acaso?

…pois não é que o mesmo destino que interrompeu o ciclo das coisas me trouxe de volta o amor que não tive? Existe um bar mágico, bem pequeno, mas capaz de abrigar duas pessoas por horas, talvez, sem que elas se vejam. Aí, quando tudo parece perdido… tchanananan! Não é que ele estava ali o tempo todo? Isto em uma das pouquíssimas vezes em que saí. Não é coincidência demais?

Eis que terminamos a noite juntos! E foi ótimo. Depois, para evitar sofrer, voltei para minha casa decidida a não ficar pensando nele. Por que ele não me ligou, afinal, se no fim das contas não voltou para a ex? Ah… ficou comigo só porque eu estava ali, pensei. E até pode ter sido isto mesmo, então resolvi ficar na minha, zerei minhas expectativas.

Qual não é a minha surpresa quando ele entra no msn “só para me dar um oi”, segundo ele mesmo, e para dizer que quer me encontrar ainda nesta semana. “Sexta, quem sabe”. “Sexta fica ótimo”, respondi. Combinado, então. E cá estou novamente com as minhas velhas expectativas, sonhando novamente – dormindo e acordada. Bom, pelo menos estou mais tranquila, despreocupada. Vamos ver no que vai dar. E se não der em nada, pelo menos é ótimo ter essa sensação novamente.

 

Foto: Stock.xchng

Sua opinião é de quinta...